Britânico cria tour por melhores grafites de São Paulo

Fruto de ação política ou simplesmente de uma manifestação artística espontânea, o grafite se disseminou por São Paulo colorindo os muros da cidade. Foto: Charles Humpreys
Grafite do homem-morcego deu origem ao apelido do local que passou a ser conhecido como Beco do Batman. Foto: Charles Humpreys
A fama do Beco do Batman criou um código de ética entre os grafiteiros. Foto: Charles Humpreys
No Beco do Batman também podem ser vistas obras de artistas com reconhecimento internacional, como Paulo Ito. Foto: Charles Humpreys
A crise hídrica que assombra os paulistanos serviu de inspiração para essa obra do grafiteiro Mundão. Foto: Charles Humpreys
Obras de grafiteiros estrangeiros também podem ser encontradas nos muros de São Paulo, como esta do inglês Fin DAC. Foto: Charles Humpreys
Outro grafite do inglês Fin DAC. Foto: Charles Humpreys
O grafiteiro Crânio homenageou os índios brasileiros nesta obra em muro da rua Paulo Gontijo de Carvalho. Foto: Charles Humpreys
A exploração desenfreada da Amazônia é retratada neste grafite de Crânio. Foto: Charles Humpreys
Kobra dedica sua obra à defesa dos direitos dos animais. Foto: Charles Humpreys
Através da inquietação que seus desenhos criam, Kobra tenta conscientizar o público para os problemas dos animais. Foto: Charles Humpreys
O desenho hiper-realista sobre um fundo colorido é uma das marcas registradas de Kobra. Foto: Charles Humpreys
Mortas tragicamente aos 27 anos, Janis Joplin e Amy Winehouse foram homenageadas na obra de Kobra. Foto: Charles Humpreys
O guitarrista Jimi Hendrix e o artista plástico americano Jean-Michel Basquiat são ambos "membros" do Club 27. Foto: Charles Humpreys
As questões sociais são tema constante na obra de Kobra. Foto: Charles Humpreys

Kobra homenageia sua cidade natal com uma ilustração do famoso Monumento às Bandeiras. Foto: Charles Humpreys
Em cores fortes, Kobra tenta resgatar memórias de São Paulo. Foto: Charles Humpreys
Neste grafite, Kobra optou pelo branco e preto para dar um tom nostálgico na ilustração da São Paulo do começo do século 20. Foto: Charles Humpreys
"Ver a cidade" é uma obra do grafiteiro Moura. Foto: Charles Humpreys
Um longo e multicolorido grafite feito em conjunto por Nina Pandolfo, Nunca e Osgemeos. Foto: Charles Humpreys
Um detalhe da enorme obra feita em conjunto pelos três grafiteiros. Foto: Charles Humpreys
A obra de Nina Pandolfo, Nunca e Osgemeos enfeita o caminho diário de milhares de paulistanos. Foto: Charles Humpreys
Via Google Plus

About Antonio F. Nogueira Jr.

    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários: