A poesia da relação entre homem e fenômenos naturais

Foram anunciados os finalistas do concurso Atkins CIWEM Fotógrafo de Meio Ambiente de 2015, cujas fotos serão exibidas em Londres. Na imagem acima, de Kazi Riasat Alve, um homem coleta caranguejos em Bangladesh, em 2014.
Mais de 10 mil fotos foram enviadas por fotógrafos de mais de 60 países, incluindo esta imagem de um pescador solitário, checando suas redes no Vietnã, feita por Hoang Long Ly em 2014.
A competição foi criada para que fotógrafos compartilhem suas imagens de questões ambientais e sociais com o público internacional e para reforçar a compreensão das causas, consequências e soluções para a mudança climática e a desigualdade social. Esta foto, de Petrut Callinescu, feita em 2014, mostra duas mulheres que têm um salão de beleza na favela de Makoko, em Lagos, na Nigéria.
Rizalde Cayanan fez esta imagem em 2011 mostrando uma "muralha de areia" cobrindo uma cidade no Kuweit. Este tipo de tempestade de areia também é conhecida como "haboob", uma palavra derivada da palavra árabe para "vento forte".
O mundo consome um milhão de sacolas plásticas por minuto. Na imagem acima, uma destas sacolas está presa em uma moita no Altiplano boliviano, em uma foto de 2014 feita por Eduardo Leal.
A série fotográfica de Matthew Cicanese, Cladonia Forest, feita nos EUA em 2014, mostra a beleza de microbiotas que ficam no chão de florestas.
Em Kawah Ijen, uma cratera vulcânica na Indonésia, Ipan, um mineiro de 27 anos, procura por pedaços do "ouro do diabo", enxofre, em meio à fumaça tóxica, na foto feita por Luca Catalano Gonzaga, em 2014.
Esta imagem montada por Carlos Ayesta e Guillaume Bression mostra um ex-funcionário de um supermercado voltando para verificar o que restou de seu local de trabalho depois do desastre de Fukushima, no Japão. Imagem feita em 2014.
Uma barbearia na Turquia, em uma foto feita por Hayri Kodal em 2011.
O fotógrafo britânico Simon Norfolk fez esta imagem de um "rastro de fogo" indicando onde ficava a geleira Lewis no Monte Quênia, em 1987, A foto foi feita em 2014
Uma família assiste TV em Chittagong, Bangladesh, esperando a água da enchente baixar. As enchentes estão cada vez mais frequentes na região, atingindo residências e negócios, como mostra esta foto feita em 2014 por Jashim Salam.
A torre da igreja é um dos últimos sinais visíveis nesta foto de Glyn Thomas, feita em 2014, que mostra um vilarejo abandonado na Romênia, Geamana. O local foi inundado por um lago tóxico criado para os resíduos de uma mina de cobre. A exposição destas fotos fica em cartaz entre os dias 22 de junho e 10 de julho na Royal Geographical Society, em Londres.

Da BBC

Via Google Plus

About Antonio F. Nogueira Jr.

    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários: