Fotógrafo explora campo de sal vermelho na Crimeia

O fotógrafo Sergey Anashkevych captou imagens de uma paisagem impressionante no interior da Crimeia: um campo de sal abandonado e completamente avermelhado. A cor se deve à presença da halobacteria arquea, um organismo que se multiplica rapidamente ao entrar em contato com ambientes extremamentes salgados.
Quando a Crimeia fazia parta da União Soviética, o local era explorado para a obtenção de salmoura para uso na indústria química.
"O ar é tão úmido e salgado que tem-se a impressão de que é pegajoso", afirma Anashkevych. "Tudo fica coberto por uma película fina: a pele, as roupas, os equipamentos. O outro problema é o cheiro: não é nada agradável", acrescenta o fotógrafo.
Via Google Plus

About Antonio F. Nogueira Jr.

    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários: