Imagem de homem e águia 'cara a cara' vence concurso de fotos tiradas com iPhone

Registro foi feito por chinês; brasileiro ficou em terceiro lugar na categoria "Crianças" com retrato do filho de três anos. Da BBC

Siyuan Niu, da China, ganhou o prêmio principal do Ippaward, concurso de fotos registradas com iPhone, como esse registro, batizado "O homem e a águia". "Os valentes e sábios khalkas vivem nas montanhas no sul da província de Xinjiang", explica. "Eles veem as águias como seus filhos. Elas são treinadas para a caça. Este homem de 70 anos age de forma rígida e solene com sua família e amigos, mas esboça um sorriso quando está com sua águia."
Natural da Polônia, Patrick Kuleta foi premiado por “Catedrais modernas”. “A ideia era mostrar a arquitetura de uma forma completamente diferente, combinando minha experiência como design gráfico e pintor”, explica.
“Ela se dobra com o vento” é o título da fotografia do americano Robin Robertis, que ficou em segundo lugar no concurso. “Estava em um curso para iPhone quando todos saímos para fotografar o entardecer”, relata. “Uma das coisas que sempre carrego quando viajo é este magnífico guarda-chuva vermelho. Enquanto outros registram fotos de paisagens bonitas, gosto de captar aspectos humanos dentro da cena”.
“País das maravilhas” da americana Carolyn Mara Borlenghi, que ficou em terceiro lugar, é parte de uma série para o Instagram. "Neste fim de semana, antes do Natal, embarquei em uma pequena aventura com meu filho na praia e levamos máscaras de rena”, conta.
A americana Jessica Wu, blogueira de fotografia no iPhone, obteve o primeiro lugar na categoria “Animais” com essa foto registrada em um santuário de raposas em Taiwan. “Elas (raposas) criaram uma cena muito dramática quando todos passaram a me olhar, por isso tirei meu iPhone para capturá-la imediatamente”, assinala.
Entre aqueles que receberam distinções estão alguns latino-americanos. O brasileiro Bruno Dreux foi premiado com o terceiro lugar na categoria “Crianças” pelo retrato de Felipe, seu filho de três anos, que gosta de explorar a pista de motocross em sua bicicleta de madeira. “Nesse dia em particular, estava tão emocionado pelo lodo e pela chuva que não pôde resistir a saltar na poça d’água”, conta.
O japonês He Kuankuan ganhou o segundo lugar na categoria “Comida” com essa foto de lulas secando ao vento na localidade de Yobuko. “Os moradores deixam secá-las ao vento. Quando você caminha à beira-mar, pode ver estas “lulas voadoras”, explica.
A foto de uma pequena refugiada afegã brincando em um campo do porto de Piraeus, em Atenas, venceu a categoria “Notícias/Eventos”. A imagem foi registrada por Loulou d’Aki, da Suécia, em março de 2016.
O chileno Hernán Ramos obteve o segundo lugar na mesma categoria por essa foto da final da Copa América em 2015. “Neste dia, o Chile derrotou a Argentina de Messi e foi coroada campeã da Copa América pela primeira vez. Inesquecível”, conta.
Essa foto de Xia Zhenkai, de Guandong, na China, ficou em primeiro lugar na categoria "Gente". A imagem retrata um homem se banhando no rio Ganges, na Índia.
Via Google Plus

About Antonio F. Nogueira Jr.

    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários: